» » Uma super trilha, para uma super volta.


Acho que agora realmente começa 2012 para a galera do LBC. Estamos no ano de 2012 e a cidade é Limoeiro, o lugar de espera o Hiper Juá e o grupo é o Limoeiro Bike Clube. Nossa trilha dominical de hoje foi o Engenho Cordeiro, lugar onde estivemos em 29 de maio de 2011 para conhecer este belo local que guarda dentro de si uma história que perdura por anos. Seguimos Rumo ao Engenho Cordeiro e para chegar lá passamos pelas palmeiras de Campo Alegre- Limoeiro-PE, Lagoa do Carro e nessa pedalada por asfalto o sol foi nosso companheiro e guia.

Ele surgiu como quem não quer nada e lá no alto reinou soberano para nos esquentar nesta manhã gostosa de domingo. Ao entrarmos por estradão de barro vermelho a força era exigido, afinal pedalar com buracos e declínios é muito complicado. Entre subidas e descidas o papo era posto em dia, afinal era volta do amigo, Alfredo Neto, que depois de um ano sem pedalar retorna ao seio desta família que tanto o admira. Zé Luiz também veio nos prestigiar e foi só alegria. Entre subidas e descidas aquele papo gostoso rolava entre os amigos e os assuntos eram diversos. Os rádios iam fazendo seus papeis muito bem, afinal se manter informado e essencial. As câmeras e os Camphones iam registrando tudo na lente dos fotógrafos ciclistas amadores (FCC).

O canavial também fez parte dessa paisagem, junto ao barro vermelho e a poeira. Uma ponte de madeira antiga nos sedia passagem ruma ao Engenho Cordeiro, mas antes parada obrigatória para fotos afinal o Rio estava bonito e o visual da ponte dava aquele charme rustico de interior. O nosso amigo Zé Luiz foi fazer uma sessão de fotos com Augusto que ia registrando cada movimento do ciclista, quando de repente a câmera registra a queda de Zé Luiz e todos começam a correr para socorrer o amigo, mas nada de grave havia acontecido e assim ele pode respirar e recolocar sua corrente e seu pneu. Na parada também abrimos espaço para o Polinne Talk Show que mais uma vez nos brindou com uma piada muito engraçada.

Depois de todo o susto seguimos viagem até o Engenho Cordeiro que já estava logo ali. Após horas de pedaladas enfim chegamos ao famoso Engenho Cordeiro que parecia nos receber de braços abertos. Não demoramos muito por lá, afinal ainda tínhamos muito chão até chegar a Limoeiro. Em nossa volta a “Princesa do Capibaribe” paramos no antigo bar do falecido Adelson, agora o Casarão bar, para tomar aquele café da manhã bem experto, afinal só a rosquinha trazido por Márcio não venceu nossa fome de leão. Cuscuz, macaxeira, carne de boi, galinha cabidela e galinha guisada e aquele “refri” bem legado para animar e dar aquele pique para a nossa volta triunfal a Limoeiro.

Com a barriga cheia nossas forças estavam restabelecidas e aí foi só pedalar com gosto de gás e chegar a Limoeiro. A chegada foi super tranquila e a pedalada hiper bacana. Com 45 km de pedalada nos despedimos de todos e desejamos a todos uma mega semana cheia de coisas boas. Assim foi o Diário de Bordo do LBC edição 2012. Fiquem todos com Deus e até domingo que vem.

Vejam o vídeo do Polinne Talk Show 2012

video
vejam as fotos da queda de Zé Luiz



Postador Marcio Wanderley

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta